ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS: ÊNFASE NO CONTEÚDO ÁGUA

  • Lionai Barrionuevo GRACIA
  • Larissa Cristina Soares da SILVA
  • Silvana Cosmo DIAS
Palavras-chave: Ciências naturais, Experiências, Acervo didático

Resumo

O ensino de Ciências Naturais é privilegiado; pois, se concretiza por meio de aulas práticas que possibilita aos alunos compreenderem a diversidade do mundo onde vivem, assim como expressarem suas observações. Desse modo, estudar como acontece esse estudo nas escolas permitiu o desenvolvimento deste trabalho, que investiga como acontece o ensino de Ciências Naturais com ênfase no estudo da água e as estratégias utilizadas para esse ensino, especificamente, os experimentos. Para tanto, o objetivo deste trabalho consiste em analisar as estratégias utilizadas para o ensino de Ciências Naturais com enfoque no conteúdo água. Para isso, foi desenvolvida uma pesquisa de natureza bibliográfica, utilizando como fundamentos vários alotes e p PCN de Ciências Naturais. Dessa forma, por meio dessas análises, observou-se que para se desenvolver o ensino de ciências naturais, existem materiais didáticos adequados tanto para as aulas teóricas, como para as práticas; ou seja, as experiências acerca dos conteúdos trabalhados. Ainda, percebe-se também que os professores de Ciências Naturais possuem um acervo didático de boa qualidade à sua disposição para trabalhar o conteúdo água, com o auxílio de experiências que acompanham todo esse conteúdo.

Referências

ALMEIDA, S. A; GIORDAN, M. A revista Ciências Hoje das Crianças no letramento escolar: a retextualização de artigos de divulgação científica. Educação Pesquisa. São Paulo, v. 40, n. 4, p. 3, out./dez. 2014. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2017.

BRASIL. Secretaria da Educação Fundamental. Ministério Da
Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais (1º a 4º série): Ciências Naturais. 3.ed. Brasília: Secretaria da Educação, 1997. p.19-78. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2017.


DELIZOICOV, D.; ANGOTTI, J, A.; PERNAMBUCANO, M. M. Ensino de ciências:
fundamentos e métodos. 2.ed. São Paulo: Cortez: 2007.

FONSECA, M. R. Hoje é dia de ciências. 2.ed Curitiba: Positivo, 2011.

FRIZZO, M. N.; MARIN, E. B. Qual o papel do professor no ensino ciências naturais. In: . O ensino de ciências nas séries iniciais. Ijuí: UNIJUÍ, 1989.

MORIN, E. Os sete saberes necessários à educação do futuro. 2. ed. São Paulo:
Cortez; Brasília, DF: UNESCO, 2000.
_______ Ciência com consciência. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2003.

NIGRO, R. G. Ápis Ciências. 2.ed. São Paulo: Ática, 2014.
.
SANTANA. F. T. Natal-RN. Ensino de ciências: valores para uma educação humanista. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Natal /RN, 5 a 7 out. 2016. Disponível em: . Acesso em: 05 mar. 2017.

SILVA, K. C.; SANTOS, L. C. P. Sistema gênese de ensino, 4º ano: ensino fundamental, anos iniciais. Marília, Brasil Cultural, 2015, p. 6-45.

SOARES, A. C.; MAUER, M. B.; KORTMANN, G. L. Ensino de ciências nos anos iniciais do ensino fundamental: possibilidades e desafios em Canoas-RS. Educação, Ciência e Cultura. Canoas, v.18, n.1, jan/jun.2013. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.18316/954>. Acessado em: 05 mar. 2017.
Publicado
2018-03-21
Como Citar
Barrionuevo GRACIA, L., Soares da SILVA, L. C., & Cosmo DIAS, S. (2018). ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS: ÊNFASE NO CONTEÚDO ÁGUA. REVISTA FUNEC CIENTÍFICA - MULTIDISCIPLINAR, 6(8), 103-117. https://doi.org/10.24980/rfcm.v6i8.2858