AS DIFICULDADES DA POLINIZAÇÃO NA AGRICULTURA ATRAVÉS DA ESPECIE DE ABELHA EUROPEIA APIS MELLIFERA

  • Naiane Antunes Alves RIBEIRO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Gilson BARBARA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Dagmar Aparecida de Marco FERRO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Abelhas, Agrotóxicos, Contaminação, Polinização

Resumo

INTRODUÇÃO: As abelhas são de extrema importância ecológica e econômica. A economia depende intrinsecamente dos serviços prestados pelos ecossistemas, porém, o desenvolvimento econômico é quem mais destrói habitats que a longo prazo colocam em risco o bem estar da humanidade. O uso indevido de práticas agrícolas baseadas no uso excessivo de agrotóxicos em sistemas de monocultivo objetivando alta produtividade e rentabilidade apresentam-se como fatores impactantes sobre os polinizadores. Entre 2000 e 2010 o uso de agrotóxicos aumentou cerca de 700% e em 2008 o Brasil foi classificado como maior consumidor de agrotóxicos do planeta, contabilizando anualmente mais de 300 mil toneladas de insumos químicos e 130 mil toneladas de ingredientes ativos dispersos no ambiente. Os agrotóxicos, principalmente os inseticidas da classe neonicotionoides destacam-se como um dos maiores problemas devido sua intoxicação, ocasionando efeitos letais e subletais atuando na fisiologia e no comportamento das abelhas afetando toda estrutura social da colônia. OBJETIVO: O objetivo desse trabalho foi demonstrar a importância das abelhas para o processo de polinização e prováveis mecanismos de ação dos agrotóxicos levando-as a morte. METODOLOGIA: Este estudo trata-se de uma revisão de literatura. RESULTADO: A intoxicação das abelhas por agrotóxicos esta relacionada à exposição letal, resultando em indivíduos mortos próximo as colônias. Existem efeitos subletais, que não matam de imediato, mas afetam o comportamento e o sistema imunológico, reduzindo a longevidade das operárias, bem como seu peso, afetando assim a vitalidade da colônia. CONCLUSÃO: Conhecendo a grande importância dessa espécie, considerando que todos os indivíduos estão interligados por relações de eussociabilidade, é necessário promover mudanças em alguns aspectos no manejo da agricultura brasileira, intensificando o uso de controle biológico reduzindo o uso de pesticidas, inseticidas e fungicidas, implementação de sistemas agroflorestais e de policultura aumentando a biodiversidade, incentivar uso da adubação verde, implantação de corredores ecológicos, contribuindo para a melhoria da saúde ambiental.

Publicado
2018-05-22
Como Citar
Antunes Alves RIBEIRO, N., BARBARA, G., & Aparecida de Marco FERRO, D. (2018). AS DIFICULDADES DA POLINIZAÇÃO NA AGRICULTURA ATRAVÉS DA ESPECIE DE ABELHA EUROPEIA APIS MELLIFERA. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=3182