ALIMENTOS E ALIMENTAÇÃO DE GALINHAS POEDEIRAS EM SISTEMAS ORGÂNICOS E CONVENCIONAL DE PRODUÇÃO

  • Naiane Antunes Alves RIBEIRO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Gilson BARBARA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Vanessa Veronese ORTUNHO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Aves, Ovos, Nutrição

Resumo

INTRODUÇÃO: A galinha foi um dos primeiros animais domésticos a chegar ao Brasil. A avicultura de postura brasileira evoluiu muito ao longo dos anos, apresentando alto nível de produção frente as novas tecnologias, melhoramento das linhagens, sanidade e nutrição das aves. A produção de ovos para o consumo humano deve ser considerada uma atividade ilustre, pelo alto valor nutricional dos ovos e pelos cuidados necessários para evitar sua contaminação. O desafio de produção de aves de postura no mercado atual é produzir ovos no sistema orgânico respeitando a origem de fontes de alimentos (certificados), o bem estar dos animais, utilização de vacinas com período de carência, manejos de tratos culturais e pasteio, diferenciando do sistema convencional onde a criação ocorre em gaiolas limitando a capacidade de movimentação dos animais, provocando problemas metabólicos e de empenamento, devido ao atrito constante com o piso da gaiola e consequentemente restringindo o comportamento natural dos animais. OBJETIVO: Comparar as formas de produção de aves de postura no sistema de alimentação orgânico e no sistema de alimentação convencional, mostrando vantagens e desvantagens dos dois sistemas. METODOLOGIA: Pesquisa bibliográfica através de revisão de literatura. RESULTADO: As principais diferenças entre a produção orgânica e a produção convencional destacadas são: respeito aos ciclos das estações do ano e as características da região, colheita de vegetais na época da maturação, uso de adubos orgânicos e reciclagem, tratamentos naturais contra pragas e doenças dos vegetais, plantas invasoras manejadas sem herbicidas. Quanto aos ovos, diferentes tratamentos influenciaram somente nos teores de proteínas e lipídios tendo as maiores concentrações nos ovos orgânicos. CONCLUSÃO: Portanto a utilização de um sistema orgânico de produção de aves de postura é capaz de produzir carne e ovos saudáveis, além de saborosos e livres de resíduos químicos e biológicos.

Publicado
2018-05-21
Como Citar
Antunes Alves RIBEIRO, N., BARBARA, G., & Veronese ORTUNHO, V. (2018). ALIMENTOS E ALIMENTAÇÃO DE GALINHAS POEDEIRAS EM SISTEMAS ORGÂNICOS E CONVENCIONAL DE PRODUÇÃO. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=3147