AS DIMENSÕES E OS SIGNIFICADOS DE SAÚDE E DOENÇA NA PERSPECTIVA MÉDICA E POPULAR

  • Giovani Ramos FLORES Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Maria Carolyne Pereira da SILVA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Regina Maria de SOUZA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Saúde, Doença, Cultura, Antropologia

Resumo

INTRODUÇÃO: Quando se fala em saúde e doença deve-se levar em consideração aspectos
culturais, sociais, econômicos, políticos, históricos e psicossociais tanto para a visão médica
quanto para a perspectiva popular. Partindo-se de tal premissa existem várias formas de
pensar o processo saúde-doença. A perspectiva popular é baseada na experiência que se
adquiriu ao longo do tempo e é perpassada principalmente pelos idosos tendo também grande
influência religiosa relacionando as doenças como castigos divinos ou fenômenos naturais.
Cabe ressaltar a importância da religião e dos tratamentos alternativos que nem sempre
atendem as necessidades do paciente considerando que o conhecimento popular se baseia em
fatores empíricos culturais e socioeconômicos. A percepção médica de doenças está baseada
nas características fisiopatológicas corporais e no método científico. Nesta perspectiva leva-se
em consideração fatores biológicos e a introdução de uma série de procedimentos
pertencentes a ciências tendo como foco a patologia do indivíduo, diagnóstico e tratamento.
OBJETIVO: O objetivo desta pesquisa bibliográfica é analisar o significado de saúde e
doença na perspectiva médica e popular. METODOLOGIA: O estudo foi desenvolvido por
método bibliográfico, com consulta em livros e artigos de referência para a discussão do tema,
em bancos de dados como Scielo. RESULTADO: A questão cultural pode ser definida como
um conjunto de elementos que medeiam e qualificam qualquer tipo de atividade física ou
mental, que não seja determinada pela biologia, e que seja compartilhada por diferentes
membros de um grupo social, ordens sociais vigentes, as instituições e seus modelos
operativos. Nessa conjuntura insere-se a visão de saúde médica e popular. CONCLUSÃO:
Conclui-se que saúde e doença nas perspectivas médica e popular,são influenciados por
fatores diversos como a cultura do indivíduo, seu estado psíquico, meio de vida, aspectos
econômicos, políticos e sociais. A visão biomédica está sofrendo com as mudanças culturais,
mas a medicina popular ainda sofre preconceitos.

Publicado
2018-05-21
Como Citar
FLORES, G. R., SILVA, M. C. P. da, & SOUZA, R. M. de. (2018). AS DIMENSÕES E OS SIGNIFICADOS DE SAÚDE E DOENÇA NA PERSPECTIVA MÉDICA E POPULAR. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=3132