SEGURANÇA DO TRABALHO COMO INVESTIMENTO PARA DIMINUIR CUSTOS E AUMENTAR LUCROS

  • Gustavo Henrique SENTINELLO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Jeferson Messias da SILVA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • William de Matos CASALE Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Elain Doro Mardegan COSTA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Segurança do trabalho, Investimento, Acidentes, Empresas

Resumo

INTRODUÇÃO: O presente estudo busca refletir sobre a Segurança do Trabalho nas mais
diversas atividades laborais e suas peculiaridades pertinentes a função, de modo que fique
claro a importância, tanto na prevenção de acidentes, como também na qualidade de vida dos
envolvidos, ou seja, empregado e empregador. OBJETIVO: Assim, objetivou-se verificar se
os desembolsos com segurança do trabalho para as empresas são considerados investimentos
essenciais ou gastos desnecessários. METODOLOGIA: A metodologia empregada trata-se de
Pesquisas Descritiva Bibliográfica, que analisou referências bibliográficas publicadas e
artigos disponíveis em banco de dados eletrônicos. RESULTADO: No decorrer da pesquisa,
foram demonstrados dados informativos apresentados de forma sistêmica, modalidades de
investimentos no ambiente laboral nas questões de segurança do trabalho, para evidenciar
áreas de risco, desproteção, consequentes prejuízos humanos e onerosas, originados por ações
trabalhistas, os quais podem incidir diretamente nos resultados da empresa, tanto
financeiramente, como em sua relação social. Também foi possível apresentar benefícios para
as empresas que buscam regularizar e manter um esquema laboral saudável por meio da
segurança do trabalho. Os benefícios de prevenção são notáveis, pois os funcionários não são
afastados por danos físicos ou psicológicos, o que torna mais rápido o processo de produção
e, por isso, acaba por evitar o deslocamento de novos agentes para suprir aqueles que se
encontram em tratamento ou afastados, o que resultará, claramente, em valores econômicos
para as empresas. CONCLUSÃO: Portanto, pode-se observar que os acidentes de trabalho são
frequentes e custam caro para os empreendedores, às vezes por negligencia ou falta de
informação sobre sua importância. Logo, os desembolsos em Segurança do Trabalho, não
podem ser considerados gastos desnecessários, mas investimento a longo prazo.

Publicado
2018-05-21
Como Citar
Henrique SENTINELLO, G., Messias da SILVA, J., de Matos CASALE, W., & Doro Mardegan COSTA, E. (2018). SEGURANÇA DO TRABALHO COMO INVESTIMENTO PARA DIMINUIR CUSTOS E AUMENTAR LUCROS. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=3116