USO DA TENS EM PACIENTES COM DORES ONCOLÓGICAS

  • Daniela Costa BRITO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Franciele Garcia da COSTA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Samila Pennacino PINHEIRO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Fábio Mendes CAMILO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: TENS, Câncer, Dor

Resumo

INTRODUÇÃO: Atualmente, a definição científica de câncer refere-se ao termo neoplasia,
especificamente aos tumores malignos, como sendo uma doença caracterizada pelo
crescimento descontrolado de células transformadas. A dor é um sintoma frequentemente
encontrado em quadros oncológicos. Um recurso amplamente utilizado é a Estimulação
Elétrica Nervosa Transcutânea (TENS) que é definido como aplicação de correntes elétricas
pulsadas na superfície da pele intacta usando um dispositivo de TENS padrão para estimular
os nervos periféricos, para alívio da dor. OBJETIVO: O presente estudo tem como objetivo
verificar a aplicação e descrever os parâmetros de corrente utilizados na aplicação da TENS
para o controle da dor oncológica e redução na quantidade de medicação analgésica.
METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão bibliográfica, em que os artigos foram
selecionados na base de dados eletrônicas de livre acesso: Instituto Nacional de Câncer
(INCA), Scielo, Pubmed, no período compreendido entre 1990 a 2017. RESULTADO: Foram
encontrados um total de 16 artigos, excluídos 5 por não contemplarem os critérios de inclusão
do presente estudo e selecionados para análise 11. Os artigos evidenciam que a TENS,
mostra-se um método não medicamentoso eficaz, promovendo resultados clínicos variáveis de
ação analgésica. Desses, 3 autores relatam o modo convencional, mas não apresentam
descrição de todos os parâmetros necessários, 4 autores afirmam que a TENS pode ser
considerada como uma terapia analgésica adjuvante por determinado período de tempo e 4
autores mencionam redução na quantidade do uso de analgésicos quando utilizado a TENS.
CONCLUSÃO: Constata-se que não é possível tratar a dor do câncer somente com essa
corrente, mas que a mesma promove diminuição do quadro álgico presente. Entretanto, mais
estudos devem ser desenvolvidos contemplando maiores detalhes sobre a metodologia e
descrição de parâmetros utilizados.

Publicado
2018-05-17
Como Citar
BRITO, D. C., COSTA, F. G. da, PINHEIRO, S. P., & CAMILO, F. M. (2018). USO DA TENS EM PACIENTES COM DORES ONCOLÓGICAS. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=3051