HIPERTENSÃO: OS BENEFÍCIOS DA DIETA RICA EM POTÁSSIO E MAGNÉSIO

  • Daniela Carla Gonçalves de SOUZA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Gabriéla Silva do CARMO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Elisandra de Mello DÉO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Hipertensão, Potássio, Magnésio

Resumo

INTRODUÇÃO: A hipertensão arterial ou pressão alta é uma doença caracterizada pela
elevação dos níveis tensionais no sangue. Cerca de 20% da população brasileira é portadora
de hipertensão, sendo que 50% dessa mesma população apresentam obesidade e outras
comorbidades. Atualmente a hipertensão é a principal causa de morte no mundo, pois pode
favorecer uma série de outras doenças. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar os
benefícios do enriquecimento da dieta com alimentos ricos em potássio e magnésio no
tratamento da hipertensão. METODOLOGIA: Para a realização deste trabalho foram
utilizados artigos científicos e livros relatando o histórico sobre a hipertensão arterial.
RESULTADO: A hipertensão pode ser causada por vários fatores como fumo, consumo
excessivo de bebidas alcoólicas, obesidade, estresse, excesso de sódio, falta de atividades
físicas, diabetes e hábitos alimentares incorretos. A hipertensão não tem cura, mas tem
tratamento e pode ser controlada. Estudos comprovam que uma dieta equilibrada, rica em
potássio e magnésio, podem contribuir para a diminuição dos níveis pressóricos, já que o
potássio induz a queda da pressão arterial e possui efeito anti-hipertensivo, tendo também a
ação protetora contra danos cardiovasculares. A deficiência de magnésio está relacionada com
a produção excessiva de insulina pelo organismo, o que pode levar a um aumento da pressão
arterial, sendo assim, manter bons níveis desse mineral no organismo também pode auxiliar
no controle dessa patologia. CONCLUSÃO: Conclui-se que a hipertensão arterial é uma
doença que pode sim ser controlada com uma alimentação equilibrada, enriquecida com
alimentos fontes de potássio e de magnésio, os quais contribuem na redução dos níveis
pressóricos, tendo também a atividade física como uma auxiliadora contra a patologia em si.
Portanto, o acompanhamento nutricional se faz necessário tanto para profilaxia quanto para o
tratamento da patologia em estudo.

Publicado
2018-05-11
Como Citar
SOUZA, D. C. G. de, CARMO, G. S. do, & DÉO, E. de M. (2018). HIPERTENSÃO: OS BENEFÍCIOS DA DIETA RICA EM POTÁSSIO E MAGNÉSIO. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=2938