A INFLUÊNCIA DA MICROBIOTA INTESTINAL NO SISTEMA IMUNOLÓGICO HUMANO

  • Núbia Regina Araújo de LIMA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Jocyele Caroline de Oliveira REAL Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Geovane Carlos da SILVA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Anelisa Doretto Freitas FURLAN Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Microbiota intestinal, Alimentos funcionais, Sistema imunológico, Nutrição, Modulação dietética

Resumo

INTRODUÇÃO: No Brasil ocorreu uma diminuição nas taxas de desnutrição com o passar
dos anos, no entanto verifica-se um aumento nos quadros de doenças crônicas não
transmissíveis devido ao maior acesso a alimentos industrializados e ricos em gorduras
saturadas, visto que estes podem impactar negativamente na microbiota intestinal humana.
Nesta, compreende-se os micro-organismos que vivem no intestino em simbiose com o órgão,
em uma relação benéfica a ambos, em que contribui para processos fisiológicos básicos.
OBJETIVO: Este trabalho tem como objetivo compreender a microbiota intestinal e sua
relação com o sistema imunológico humano, bem como os fatores que condicionam o
desenvolvimento da flora intestinal saudável e que tragam benefícios a saúde.
METODOLOGIA: A metodologia utilizada para o desenvolvimento deste trabalho pautou em
pesquisa bibliográfica. Como fontes de consultas, foram eleitos livros, legislação, e periódicos
provenientes da base de dados Scielo. RESULTADO: O intestino participa da digestão e
absorção de nutrientes, das defesas imunológicas e da desintoxicação do organismo; possui
propriedade de barreira seletiva, impedindo que agentes nocivos atravessem a mucosa
intestinal e, por fim, produz e libera importantes enzimas e substâncias que colaboram com a
biologia humana. Estudos demonstram que o desenvolvimento do microbioma intestinal
saudável se torne chave para recuperação e prevenção de doenças. Portanto, a nutrição assume
papel importante, uma vez que a qualidade da microbiota intestinal está diretamente ligada ao
estilo alimentar e de vida do paciente. CONCLUSÃO: Sendo assim, cabe ao profissional
nutricionista elaborar uma nutrição adequada ao indivíduo, em que pode interferir de forma
positiva na prevenção e na recuperação da flora intestinal, visto que auxiliará na restauração
do estado de saúde como um todo, favorecendo a imunidade, a absorção de nutrientes,
trazendo maior sensação de bem-estar.

Publicado
2018-05-11
Como Citar
LIMA, N. R. A. de, REAL, J. C. de O., SILVA, G. C. da, & FURLAN, A. D. F. (2018). A INFLUÊNCIA DA MICROBIOTA INTESTINAL NO SISTEMA IMUNOLÓGICO HUMANO. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 8(8). Recuperado de https://seer.funecsantafe.edu.br/index.php?journal=forum&page=article&op=view&path[]=2908