TRANSTORNO DE PERSONALIDADE BORDERLINE: CRITÉRIOS DE DIAGNÓSTICO E TRATAMENTOS

  • Kamila Moreira VILELA
  • Daniela PÍCOLO
Palavras-chave: Transtorno de Personalidade Borderline, Diagnóstico, Transtorno Borderline e Tratamento, Borderline, Tratamento

Resumo

O Transtorno de Personalidade Borderline (TPB) é caracterizado como um padrão de instabilidade nas relações interpessoais e dos afetos. Surge com maior frequência no começo da vida adulta acarretando aos pacientes um modo de vida doloroso, pois convivem com a inconstância socioafetiva com oscilações intensas, frequentes e imprevisíveis de humor. A ausência de tratamento pode prejudicar a qualidade de vida do individuo acometido por este transtorno. O objetivo do presente trabalho visa compreender os critérios de diagnósticos e os possíveis tratamentos do Transtorno de Personalidade Borderline. A metodologia utilizada foi a revisão integrativa da literatura em português com a seleção de artigos científicos encontrados meio do LILACS (Sistema Latino Americano e do Caribe de informações em Ciências da Saúde). Os dados levantados elucidaram a compreensão do transtorno borderline, compreendendo que os contextos familiares podem predispor o desencadeamento do transtorno compreendendo todos os critérios descritos pelo DSM V. Constatou-se que o tratamento indicado foi a psicoterapia e em casos de risco a vida do paciente, podem ser utilizados a farmacologia. Faz-se necessária a realização de mais estudos que possam contribuir para esclarecer essa questão, e uma maior divulgação a respeito da sintomatologia do Transtorno de Personalidade Borderline bem como do seu tratamento. Esse conhecimento é de grande importância para os profissionais da área da saúde em geral e mental, uma vez que estão sujeitos a se depararem com sujeitos portadores desta patologia em sua prática cotidiana.

Publicado
2018-09-20