IMPACTOS EMOCIONAIS DA CRIANÇA DIANTE DA MORTE DE FAMILIARES

  • Camila Gonçalves BRITO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Laryssa Moreira NASCIMENTO Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Dalva Alice Rocha MÓL Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
Palavras-chave: Luto infantil, Morte de familiares, Comunicação a criança

Resumo

A morte é uma experiência impactante na existência humana, em particular, no universo da criança, na maioria das vezes gera angústia, culpa, raiva, tristeza ou até mesmo uma patologia. Desse modo, a vivência e elaboração do luto infantil trazem peculiaridades para compreensão do impacto emocional dessa experiência para à criança. A presente pesquisa possui o objetivo discutir por meio de uma revisão integrativa o impacto emocional do luto na criança diante da experiência da morte de familiares. A realização dessa pesquisa foi efetuada em biblioteca eletrônica de acesso aberto, LILACS (Sistema Latindo Americano e do Caribe de Informações em Ciências da Saúde), assim encontrou-se no total 176 artigos e utilizou-se dentre esses oito artigos para a construção desse trabalho. Por mais difícil que seja orientar uma criança sobre a morte, é fundamental para o seu desenvolvimento psíquico entender sobre o assunto. Cabe ao responsável pela criança passar uma explicação de maneira adequada, no caso quando essa comunicação a criança é bloqueada pode fazer com que essa pense o que quiser e imaginar várias coisas, com uma visão diferente e fantasiosa sobre a morte no atual momento, assim pode desenvolver dificuldades no seu desenvolvimento cognitivo e emocional sendo provável o aparecimento de comportamentos destrutivos afetados no futuro. É também de grande importância nesse processo de enlutamento uma intervenção psicológica e seus benefícios auxiliarão a criança a estruturar e entender essa vivência.

Publicado
2018-06-04