FORMA DE TRATAMENTO TERAPÊUTICO COGNITIVO COMPORTAMENTAL DO TRANSTORNO DO ESPECTRO DO AUTISMO

  • Maria Beatriz da Silva LUNA
  • Mariele Silva PAULINO
  • Elaine Doro Mardegan COSTA
Palavras-chave: Transtorno do espectro autista, Terapia cognitiva comportamental

Resumo

INTRODUÇÃO: O autismo é um transtorno que afeta a socialização do indivíduo. Pode causar dificuldades em sua vida social, de maneira que a pessoa sente-se presa em seu próprio mundo. Como forma de tratamento existe diversos métodos, o foco da pesquisa é a terapia cognitiva comportamental, especificamente o instrumento ABA, como uma forma de auxiliar no desenvolvimento do autista. OBJETIVO: Apresentar as formas de tratamento da terapia cognitiva comportamental ABA, para auxiliar no desenvolvimento de crianças autistas. METODOLOGIA: Para formulação deste projeto foi realizado pesquisas em meios eletrônicos e em trabalhos de conclusão de curso. RESULTADO: As formas de avaliação do ABA auxiliam o profissional, fazendo com que este contribua para melhorias na vida de pessoas que possuem o autismo, de maneira que eles possam ter os comportamentos mais próximos aos considerados, pela sociedade, normais da vida cotidiana, além de aprimorar as suas habilidades, levando-os a chegar a sua independência parcial ou total. CONCLUSÃO: Para que as etapas do ABA sejam executadas, o profissional deve manter o desenvolvimento do autista registrado, como medida de avaliar a eficácia do método para chegar à independência; a família também deve ser um dos focos do profissional, pois esta pode acelerar ou retardar a evolução do processo de desenvolvimento, e as atividades que são passadas são, normalmente, simples e de curta duração, para que a criança não perca o interesse.
Publicado
2017-08-02